G.I. Joe – A Real American Hero nº 78 | Payback

Editora: Marvel
Roteiro: Larry Hama
Lápis: Rod Wigham
Arte-Final: Fred Fredericks
Letrista: Rick Parker
Colorista: Bob Sharen
Editor: Bobbie Chase
Editor-chefe: Tom DeFalco
Publicação: Outubro de 1988

Personagens nesta edição: Jinx, Storm Shadow, Billy, Rock ‘n Roll, Gen. Malthus, Sen. Hegel, Gen. Hawk, Gen. Hollingsworth, Dra. Adele Burkhart, Roadblock, Grunt, Desto, Baronesa, Lola, Bazooka, Barbecue, Flash, Snow Job, Steeler e Zap.

Para resgatar Hawk e o Gen. Hollingsworth do hospital onde eles foram levados, os Joes que não estavam no Flagg combinam de se encontrar no apartamento de Adele Burkhart. Sim, a Lady Destruição de ARAH nº 1, física nuclear pacifista resgatada pelo G.I. Joe das garras do Cobra. Até mesmo o aposentado Grunt volta para ajudar os amigos nessa missão, trazendo a namorada Lola.

Gen. Malthus, um sujeito legal.

No hospital, tudo está armado para que Hawk e Hollingsworth sejam mortos pelo DOA, e tudo seja feito para parecer um acidente. Felizmente, os Joes vêm ao seu resgate a tempo, mas uma batalha falta ser travada: a da opinião pública.

Aos olhos do público, o G.I. Joe está sendo julgado pela derrota do lado de Serpentor, derrotado na Guerra Civil Cobra, e o resgate só faria parecer que estavam libertando prisioneiros. Some-se a isso que havia muita imprensa no hospital, a quem os pilantras Gen. Malthus e Sen. Hagel não demoram em tentar empurrar suas versões dos fatos.

No final, no entanto, os Joes são salvos por um documento entregue por um benfeitor inesperado.