G.I. Joe – A Real American Hero nº 93 | Taking the Plunge

Editora: Marvel
Roteiro: Larry Hama
Lápis: M.D. Bright
Arte-Final: Randy Emberlin
Letrista: Rick Parker
Colorista: Bob Sharen
Editor: Bobbie Chase
Editor-chefe: Tom DeFalco
Publicação: Segunda quinzena de Novembro de 1989

Personagens nesta edição: Baronesa, Zarana, Road Pig, Ripper, Buzzer, Torch, Tech Viper, Clutch, Rock ‘n Roll, Destro, Snake-Eyes, Scarlett, Flint, Lady Jaye, Roadblock, Repeater, Slip-Stream, Dial-Tone, Gen. Hawk, Tele-Vipers e Lift-Ticket.

Apesar de Zarana e Baronesa ainda se estranharem a todo o momento, as duas conseguem levar adiante seu plano de fazer lavagem cerebral em Clutch e Rock ‘n Roll. Ajudou elas levarem um pito do Destro para pararem de brigar. Só faltava a parte final do plano, que era fingir sua fuga da custódia do Cobra.

Para deixar a coisa mais convincente, a Baronesa liga para os Joes avisa que os Dreadnoks estão transportando os prisioneiros na via expressa de Long Island em um caminhão de sorvete, que é prontamente interceptado pela equipe de Flint e Lady Jaye.

Para sorte de Zarana e sua gangue, no entanto, havia muitos yuppies (espécie de playboy dos anos 80) atrasados para sua aula de yoga e psicanálise, que ficam desgostosos com a interdição da via pelos soldados do G.I. Joe, e partem para cima deles. Na confusão, os motoqueiros conseguem fugir, ainda com Clutch e Rock ‘n Roll no furgão..

Enquanto isso, na Suíça, Scarlett acompanha Snake-Eyes para a clínica de cirurgia plástica do Dr. Hundtkinder, para reconstruir seu rosto destruído. O doutor era o mesmo que tratou a Baronesa quando ela foi ferida gravemente. Ele se lembra dela e manda por fax uma foto do ninja Joe antes de ele passar a usar máscara e ela imediatamente o reconhece como o assassino de seu irmão.

Abalada após falar com Hundtkinder, a Baronesa recebe uma ligação da furiosa Zarana, exigindo satisfações por ela ter passado sua localização aos Joes. Ela esclarece que não falou nada para dar mais veracidade ao plano, mas fez a ressalva que a dreadnok deveria ter deixado os prisioneiros serem resgatados para que ele pudesse funcionar. Felizmente, ela tem um plano de contingência: explodir uma bomba de detornador remoto no furgão.