Serpentor

Serpentor originalmente fez parte da série cinco de G.I. Joe, em 1986. Ele era vendido acompanhado de sua Air Chariot.

Informações da ficha:

Nome de código:

Serpentor

Imperador Cobra

Um conluio secreto de cientistas do Cobra, sob o comando do Interrogador1 e de Destro, vasculhou túmulos, sarcófagos e relíquias dos grandes déspotas da história para encontrar células com vestígios de DNA. A partir desse mapas genéticos mortos há muito tempo, eles produziram um clone combinado com o gênio militar de Napoleão, a crueldade de Júlio César, a ousadia de Aníbal e a perspicácia fiscal de Átila, o Huno… o Imperador Cobra definitivo! Um mestre da intriga política e um estrategista brilhante, ele é capaz de tirar o poder do Comandante Cobra para o benefício do Interrogador e de Destro. Felizmente para os Joes, as ambições do próprio Imperador Cobra não foram levadas em consideração por seus criadores…

“Seus olhos viram as legiões de Roma pisotearem gauleses e nérvios2 até se tornarem pó. Sua mão ergueu o bastão de pêlos de cavalo que sinalizou para o primeiro ataque da falange de elefantes de guerra cartaginense3. Seus ouvidos escutaram o tilintar dos couraceiros franceses nas ruas de Moscou4. Mas é a sua mente que devemos temer mais. Os pensamentos do Imperador Cobra não se afastaram da conquista global desde o reinado do Rei Salomão… “

1 – Também conhecido como Dr. Mindbender.
2 – Povos que habitavam a região da Gália e foram conquistados pelo general romano Júlio César.
3 – Os elefantes de guerra foram usados pelo general cartaginês Aníbal, um dos maiores estrategistas militares da História que impôs muitas derrotas a Roma, chegando a invadir o norte da Península Itálica.
4 – Os Couraceiros eram como se chamava a cavalaria com armadura pesada célebre durante as Guerras Napoleônicas.
Serpentor em sua Air Chariot no diorama da Ilha Cobra.

Animações

Sunbow

Serpentor apareceu nas animações da Sunbow pela primeira vez na minissérie Arise Serpentor Arise.

Serpentor em Arise Serpentor Arise.

Ele foi criado por engenharia genética como uma amálgama do DNA de vários conquistadores militares e déspotas ao redor do mundo pelo Dr. Mindbender com o apoio dos principais nomes do Cobra. A ideia seria substituir a liderança incompetente do Comandante Cobra na organização terrorista.

Embora no início ele se demonstre muito eficiente, sua impulsividade e arrogância acabam impedindo a dominação mundial repetidas vezes.

Em G.I. Joe – The Movie, é revelado que sua criação foi incitada pelo Cobra La, por meio do implante de lembranças na mente de Mindbender.

Nos EUA, sua voz era interpretada por Dick Gautier e, no Brasil, por Antonio Patiño.

HQs

Marvel

Serpentor apareceu pela primeira vez nas HQs da Marvel em G.I. Joe – A Real American Hero nº 49.

Serpentor em ARAH nº 49 (traço de Rod Whigham).

Na HQ, Hama se esforçou em dar um verniz um pouco mais realista à sua origem, embora mantivesse o tom de ficção científica.

O plano de Mindbender foi conseguir o DNA de dez grandes estrategistas da História e jogar essa informação no computador para criar um cérebro que tivesse características físicas que destacaram esses homens em seus períodos históricos. Segundo o cientista explica, o DNA não carrega consigo as memórias dessas figuras históricas, mas esses dados seriam inseridos. O importante era dispor de suas capacidades de raciocínio.

Além dessas memórias, também seriam inseridas a capacidade física de Storm Shadow e atualizações políticas, tecnológicas, e principalmente onde sua lealdade deveria estar do próprio Dr. Mindbender por meio do Scanner de Ondas Cerebrais do finado Dr. Venom. O problema é que os Dreadnoks resolvem extrair uma informação de Rip Cord bem no momento em que o processo está ocorrendo e o colocam no aparelho.

A criação de Serpentor acontece bem no momento em que os Joes estão invadindo Springfield para acabar com o Cobra. Destro comanda a evacuação da população enquanto o primeiro ato da vida do Imperador é coordenar uma distração para os Joes, e usando de tática e coragem, ele consegue ganhar o tempo necessário para que toda a população fuja para a Ilha Cobra, ganhando assim o respeito de seus subordinados.

Ao chegar na base dos vilões, ele é recebido como herói e consegue se esquivar de uma tentativa de assassinato já engenhada pelo Comandante Cobra.

Desde o início, seu plano é tomar a liderança da organização, e o Comandante Cobra sabe disso, mas a chance acaba caindo em seu colo quando este participa da invasão do Pit e é dado como morto.